Casamentos Reais
26/04/17
Compartilhe:

Noivos se divertem percorrendo bares do RJ com amigos após a cerimônia

Para muitas pessoas o casamento perfeito é composto por um lindo buffet, 300 convidados e muito luxo. Porém, para algumas pessoas, o casamento deve ser personalizado de acordo com o gosto dos noivos e foi exatamente isso que a produtora audiovisual Raquel Stern e o médico Bruno Sicuro – ambos de 30 anos – fizeram em seu casamento, que ocorreu na última quinta-feira (20/04).

Tudo começou há cinco anos atrás, em uma das baladas no centro do Rio de Janeiro, cidade onde moram. Antes de se apaixonarem um pelo outro, os dois já possuíam um amor incondicional pela noite, bares e baladas.

Durante esses cinco anos eles construíram uma vida juntos: viajaram pelo Brasil em uma Kombi que batizaram de ‘Magnólia’, fizeram amigos e aquela vida boêmia que um dia os uniu, continuou firme e forte!

Com a mesma simplicidade e leveza que sempre cultivaram no relacionamento, no grande dia do casal, eles reuniram amigos e familiares para oficializar a união. O diferente: Não teve vestido ou terno caros! Eles alugaram as roupas em um site de compras coletivas. Alianças caríssimas também não fizeram parte dos planos. As deles, feitas de sementes de tucum, custaram R$ 5 reais e foram compradas em uma feira na Lapa.

A cerimônia aconteceu na Igreja Santo Antônio dos Pobres, na Rua dos Inválidos. Cerca de 100 pessoas compareceram para assistir ao grande momento de suas vidas. Ao final veio a melhor parte, ou a parte mais original e esperada quando se fala de casamento, o casal não planejou nenhuma festa e então, de improviso, decidiu seguir a pé com os amigos para um karaokê próximo à igreja.

“Saímos andando em grupo e as pessoas paravam para olhar a gente passando. Alguns pensavam que estavam filmando alguma coisa e chegavam a perguntar se era noiva de verdade”, conta a noiva.

No local, os recém-casados subiram ao palco e se divertiram fazendo duetos românticos com alguns dos hits de Guilherme Arantes, como “Dia Branco” de Geraldo Azevedo. Os frequentadores ficaram eufóricos e pediam para tirar selfies com o casal a todo instante, afinal, não é todo dia que se tem este tipo de oportunidade, não é mesmo?

Depois de horas se divertindo, Raquel, Bruno e os amigos tomaram novo rumo, desta vez em direção a um bar, o Vaca Atolada. Novamente foi a maior festança! Palmas, fotografias e euforia dos frequentadores que foram surpreendidos.

No último sábado, 22/04, o casal realizou a segunda parte da comemoração. Desta vez não teve karaokê, mas teve muito samba e festa de carnaval. A noiva usou um vestido branco feito por uma costureira de bairro e o noivo usou calça, camisa e uma gravata florida muito especial que ganhou de Jorge Ben Jor. Incrível, né?

A música escolhida para a valsa do casal foi o clássico ‘Evidências’ da dupla Chitãozinho e Xororó. Como não se emocionar?

E vocês noivinhas, também personalizaram esse grande dia e deixaram com a cara de vocês? Conta pra gente!



O que você procura?

Publicidade
Publicidade
Publicidade